Notícias em destaque

Criciúma tem 47 casos confirmados

commentJornalismo access_time09/04/2020 20:45

Números foram divulgados na tarde desta quinta-feira (9)

Mudanças na regra do futebol mundial

commentEsporte access_time09/04/2020 07:30

Alterações na regra entrarão em vigor de forma obrigatória no dia 1º de junho

Mais de 6 toneladas de alimentos arrecadados

commentCriciúma EC access_time08/04/2020 10:00

A campanha segue até o próximo dia 17

Cultivar feijão ainda é um bom negócio aqui na região?

access_time29/09/2017 - 14:08

Quem responde esta pergunta é o agrônomo Luiz Fernando Búrigo Coan, da Epagri de Içara, município maior produtor da leguminosa no Sul de Santa Catarina.


Transporte de animais poderá ser feito com GTA digital no celular

 personSilmar Vieira
access_time09/04/2020 - 18:47

Os produtores rurais de Santa Catarina contam com mais uma facilidade para transportar animais. Durante o período de quarentena, a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) irá aceitar Guias de Trânsito Animal - GTAs em formato digital (smartphone ou outro meio digital), dispensando a necessidade de impressão. A medida vale para trânsito de animais dentro e fora do estado e para todas as finalidades, obedecendo as orientações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).
Acessar serviços públicos via smarthphone já é realidade em Santa Catarina, por meio de plataformas e aplicativos desenvolvidos pelo Governo do Estado para aproximar o atendimento público da população em diferentes atividades. Após a identificação de dificuldades em alguns elos da cadeia, a adoção de processo digital na apresentação da GTA agiliza o sistema e resguarda o funcionamento de atividades essenciais à cadeia produtiva de alimentos.
Segundo o secretário da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de Santa Catarina, Ricardo de Gouvêa, a implantação de documentos digitais na agropecuária de Santa Catarina é indispensável nesse cenário que estamos vivendo. “É importante todo esse esforço em disponibilizar ferramentas e meios que tornem a rotina do produtor mais prática, eficiente e com resultados”, ressalta Gouvêa.
Emissão de GTA
A GTA é um documento oficial e de emissão obrigatória para o trânsito intraestadual e interestadual de animais para qualquer finalidade (abate, recria, engorda, reprodução, exposição, leilão, esporte e outros). Hoje, com o celular em mãos, o produtor catarinense consegue emitir a e-GTA no sistema Sigen+ da Cidasc e com o arquivo digital transitar com seus animais.
O produtor que receberá os animais deve arquivar a cópia física ou digital das GTAs, assim como dos documentos que acompanharam os animais, para apresentação ao Serviço Veterinário Oficial quando solicitado.
Exames e certificados
Há mudanças também na apresentação de documentos que acompanham a GTA. Para o trânsito dentro do estado, os exames e certificados podem ser apresentados digitalmente. Já para o trânsito interestadual, só serão aceitos os documentos impressos.

Governos anunciam medidas de socorro aos pequenos produtores rurais

 personSilmar Vieira
access_time09/04/2020 - 09:15

A sanção presidencial para a chamada MP do Agro na segunda-feira (6), o anúncio ontem do programa de socorro aos agricultores tanto para a crise causada pela pandemia, quanto pelos prejuízos da estiagem no Rio Grande do Sul e Santa Catarina e o anúncio do Governo Catarinense de compras de alimentos a serem distribuídos aos alunos da Rede Estadual durante a paralisação das aulas, trazem ânimo ao setor.

Embora tenha que ser levado em conta que muitas medidas ainda dependem de acertos burocráticos e definição de como serão operacionalizadas, os governos garantem que grande parte das medidas deve começar a surtir efeito em curto prazo.

Confira as medidas anunciadas:

• Liberação de R$ 500 milhões para apoiar a compra de produtos da agricultura familiar durante a pandemia. Será pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal e vai principalmente para produtores de hortifrúti, leite, flores e pequenas cooperativas. O recurso virá do Ministério da Cidadania e será administrado pela Conab.

Para produtores rurais afetados pela Covid-19:
• Prorrogação de dívidas de custeio e investimento para todos os produtores até o dia 15 de agosto de 2020;
• Abertura de linha de crédito emergencial de R$ 20 mil para produtores do Pronaf e R$ 40 mil para produtores Pronamp que trabalham com culturas de hortifrútis, flores, leite, pesca e aquicultura. Pagamento em até três anos com aplicação de juros já praticados pelos dois programas;
• Recursos para comercialização para cooperativas, cerealistas e agroindústrias de até R$ 65 milhões por tomador por meio do Financiamento para Garantia de Preços ao Produtor (FGPP).

Para produtores afetados pela estiagem em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul:
• Prorrogação de dívidas de custeio e investimento até o final de 2020 para produtores de municípios com decretação de estado de emergência. Na modalidade de custeio, as parcelas podem ser pagas em até sete anos. Na modalidade de investimento, o montante será descontado depois do último ano de pagamento do financiamento;
• Disponibilização de crédito para cooperativas de até R$65 milhões por tomador. Prazo para pagamento de até quatro anos.

Aqui em Santa Catarina o Governo do Estado prepara a distribuição de kits de alimentação escolar para os alunos da rede estadual. Os produtos serão integralmente adquiridos da agricultura familiar, com o investimento de aproximadamente R$ 4 milhões por mês, no período em que as aulas presenciais estiverem suspensas.
O kit de alimentação será composto por arroz, feijão, farinha, leite UHT, suco integral, biscoitos, entre outros produtos não perecíveis.

Agricultores de Criciúma também criam sistema de encomendas de produtos

 personSilmar Vieira
access_time08/04/2020 - 14:57

Sem a possibilidade de fazerem a tradicional Feira da Agricultura Familiar no Paço Municpal ou no Parque das Nações, os agricultores de Criciúma, em conjunto com a Gerência de Agricultura e Epagri criaram canais para a venda dos produtos. As encomendas podem ser feitas até esta quinta-feira (9) e as entregas serão feitas no sábado pela manhã. Confira na imagem acima os canais para fazer o seu pedido.

Agricultores apostam no atendimento por telefone ou internet para atender ao público

 personSilmar Vieira
access_time08/04/2020 - 14:53

Ao mesmo tempo em que causou imensos transtornos e prejuízos a economia como um todo, a pandemia forçou uma série de inovações para driblar ou diminuir esses efeitos. Todos os setores tiveram que procurar alternativas aos métodos tradicionais, criando canais de contato com os clientes que antes sequer ousavam imaginar.
Com a agricultura familiar não foi diferente. Mal ensaiavam seus primeiros passos com feiras ou atendendo nas propriedades, se depararam com a necessidade de dar um enorme salto rumo ao uso das tecnologias disponíveis.
Com toda a certeza esse episódio será lembrado pelas vidas que ceifou, pelo caos que causou na saúde pública mundial e pela fragilidade da raça humana frente ao uma forma de vida ainda tão primitiva quanto um vírus. Mas, também não resta dúvida que também será lembrado como um marco divisor nas nossas relações interpessoais e comerciais.
Como forma de auxiliar na divulgação das iniciativas regionais da Agricultura Familiar, vamos disponibilizar todos os canais de contato que nos foram enviados pelos produtores rurais para possibilitar a venda e entrega de seus produtos.
A Coofanove de Nova Veneza adotou sistema de tele-entrega de produtos da Agricultura Familiar pelos telefones 99676-4044, 3436-2894.
Venda de peixes na Semana Santa:
LORO ALEXANDRE, SANGA DO CAFÉ, FORQUILHINHA, NOS DIAS 8 E 9 (QUARTA E QUINTA), A PARTIR DAS 7 HORAS, CARPAS E TILÁPIAS A R$ 6,00 O QUILO. TELEFONES 3463-9153 OU 99973-3568. Outro é RAUL VIOLA, LINHA ALEXANDRE DA BOIT, SIDERÓPOLIS, VENDA DE FILÉ DE TILÁPIA DURANTE A SEMANA. TELEFONE 99942-4568. TININHA E VILMAR, MORRO COMPRIDO, FORQUILHINHA - 99612 9398. FILÉ DE TILÁPIA EM SÃO DOMINGOS, CRICIÚMA, NA PROPRIEDADE DE MÁRIO DOMINGUINI, TELEFONES 99901-0400, 99904-0918.

Fim do subsídio da energia elétrica para produtores rurais

 personSilmar Vieira
access_time07/03/2019 - 16:19

No fim do ano passado, o Governo Temer publicou decreto determinando o fim dos descontos no valor da energia elétrica para produtores rurais. No mês passado, o presidente Jair Bolsonaro publicou novo decreto que mantinha os descontos. Agora, o governo volta atrás e prepara outro decreto que determina o fim do subsídio. OUÇA:

O hábito de reclamar

 personSilmar Vieira
access_time04/03/2019 - 11:00

Você é uma pessoa reclamona? Tem hábito se assumir a culpa dos seus erros? O assunto foi tema de editorial nesta segunda-feira: O hábito de reclamar e terceirizar a culpa, com Silmar Vieira. Ouça no podcast abaixo:

EDITORIAL: Problemas na educação vão além do hino

 personSilmar Vieira
access_time28/02/2019 - 16:40

Saber o hino e ser um cidadão são importantes, mas há coisas muito mais preocupantes no âmbito educacional brasileiro. OUÇA o editorial de Silmar Vieira sobre o assunto na abertura do Revista Eldorado desta quinta-feira (28):

Madrugadas frias estão sendo mais prejudiciais à cultura do arroz que a falta de chuva

 personSilmar Vieira
access_time15/12/2017 - 14:08

Segundo engenheiro agrônomo Donato Luciête, da Epagri, astemperaturas abaixo da mádia nas madrugadas desta primavera estão sendo mais prejudiciais ao desenvilvimento sadio das plantas do que a falta de chuvas. Embora a precipitação esteja bem abaixo da média, produtores estão conseguindo manter um mínimo de umidade no solo. Porém, contra as baixas temperaturas, não há o que fazer.

Entidades consideram que embargo Russo à carne suína do Brasil é pressão por preço

 personSilmar Vieira
access_time23/11/2017 - 09:40

Presidente da Assoaciação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS), Lozivâneo Luiz de Lorenzi, diz que embrogo Russo tem por objetivo pressionar para tentar baixar os preços do produto. Segundo ele, todos os anos os portos da Rússia fecham em novembro e só voltam a operar em fevereiro por causa do congeladmento devido ao inverno rigoroso. Normalmente neste período já há um queda de vendas para aquele país e o embargo, a partir do dia 1º de dezembro, pouco interfere no mercado.

Até o momento o estado de Santa Catarina não recebeu nenhuma notificação sobre embargo da Russia à carne suína

 personSilmar Vieira
access_time23/11/2017 - 09:32

Como maior exportador de carne suína do país, Santa Catarina ainda analisa as conseqüências do embargo Russo.
O secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa, ressalta que o sistema catarinense de produção de carnes é extremamente confiável, tanto que o estado tem acesso aos mercados mais exigentes do mundo, e passa constantemente por auditorias do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e também da Cidasc.

Produtores de leite reclamam dos preços baixos do produto. Setor se organiza em Brasília para pressionar por medidas urgentes.

 personSilmar Vieira
access_time18/10/2017 - 14:45

Ambargo ao produto do Uruguai ainda não se fez sentir nos preços pagos na região. Resultado final da medida pode não passar apenas de estabilização dos preços, sem nenhuma reuperação nos valores.

1 bilhão e 300 milhões de toneladas de comida vão para o lixo todos os anos no mundo.

 personSilmar Vieira
access_time17/10/2017 - 13:41

Segundo a Food and Agriculture Organizacion (FAO), organismo da ONU, em torno de 1/4 de todo alimento produzido no mundo é dipserdiçado todos os anos. No Brasil o desperdício anual chega a 15 milhões de toneladas de desperdício, desde a produção no campo, até restos de comida jogados nos lixos das casas.

Santa Catarina terá programa de identificação de origem de hortifrutigranjeiros

 personSilmar Vieira
access_time17/10/2017 - 13:27

Como é produzido, o que é utilizado como fertilizante ou defensivo, de onde vem as sementes, quem produz e até a qualidade de vidas das pessoas envolvidas no processo produtivo.

Algumas dessas informações podem ser consideradas sem importância.

Mas, para algumas pessoas isso é relevante, e muito.

Santa Catarina é o quarto maior produtor de leite do país.

 personSilmar Vieira
access_time06/10/2017 - 14:58

Porém, produtores não tem muito o que comemorar. Alta na produção, baixa na exportação e diminuição no consumo de derivados como queijo e iogurte, forçam quedas nos preços.

Associação dos Bananicultores de Criciúma (Abacri) elege uma mulher presidente

 personSilmar Vieira
access_time06/10/2017 - 14:28

Adriana Rosso assume em meio à crise do setor. Baixa produtividade, baixa nos preços e baixa nas vendas preocupam o setor.