Notícias em destaque

Rádio Eldorado estreia novo programa

commentJornalismo access_time16/05/2022 19:33

Atendendo demanda colhida em recente pesquisa a emissora colocou no ar nesta segunda-feira um programa em que prioriza a opinião da equipe de comentaristas

Mampituba emplaca mais duas atletas em seleção brasileira, agora de basquete

commentEsporte access_time13/05/2022 18:00

Maria Clara Lourenço e Paula Bernardo Carvalho irão participar dos treinos visando a AmeriCup em Buenos Aires.

Tigre faz 3 x 0 no CRB e sobe na tabela

commentCriciúma EC access_time14/05/2022 14:52

Vitória deste sábado pela manhã encerrou o clima de festa que iniciou na véspera com a comemoração dos 75 anos do clube

 
LINHA DO TEMPO: Há 10 anos padre levantava vôo com cerca de mil balões de festa

O padre Adelir Antônio de Carli, então com 41 anos de idade, levantou vôo com cerca de mil balões de festa cheios de gás hélio às 13h do dia 20 de abril

comment Jornalismo access_time20/04/2018 - 08:00

Reportagem: Jornalismo / Rádio Eldorado - Foto: Ilustração

O padre Adelir Antônio de Carli, então com 41 anos de idade, levantou vôo com cerca de mil balões de festa cheios de gás hélio às 13h do dia 20 de abril - um domingo, em Paranaguá, no sul do Paraná. O objetivo dele era chegar à cidade de Ponta Grossa, mas acabou sendo desviado do trajeto pelo vento e caiu no mar. O padre não tinha habilitação para voar. Adelir queria quebrar o recorde de um americano que vôou 19 horas com balões para divulgar e levantar fundos para as atividades da pastoral, que presta apoio espiritual a caminhoneiros. Na hora da partida, ele foi aconselhado a não voar porque o tempo estava fechado e chovia. Mas o padre alegou que as nuvens estavam baixas e que ele logo passaria por elas.

O religioso estava em uma cadeira flutuante, usava uma roupa térmica, levava dois celulares (um operado via satélite e outro tradicional), e um aparelho de GPS, que ele não sabia operar. Em seu último contato, o padre pediu à Polícia Militar que o ensinasse a mexer no GPS e disse que a bateria de um dos celulares estava no fim. Ele também levava consigo água, barras de cereal e cápsulas energéticas.

Naquele dia 20 de abril de 2008, o último contato do padre com a Polícia Militar aconteceu durante a noite, quando estava a cerca de 30 km da ilha dos Tamboretes, localizada em São Francisco do Sul, litoral norte de Santa Catarina. O padre ligou do telefone celular para passar as coordenadas de onde estava e pedir para que entrassem em contato com as autoridades.

As buscas pelo padre começaram na manhã no dia seguinte. Parte do corpo dele foi localizado por uma embarcação que prestava serviços para a Petrobras, a 100 km da costa de Macaé (RJ), em 3 de julho daquele ano.

micÁudio da notícia





content_copyAssuntos relacionados

Mais notícias de Jornalismo

Rádio Eldorado estreia novo programa

commentJornalismo access_time16/05/2022 19:33

Atendendo demanda colhida em recente pesquisa a emissora colocou no ar nesta segunda-feira um programa em que prioriza a opinião da equipe de comentaristas

Conselho de Desenvolvimento Municipal elege novo presidente

commentJornalismo access_time16/05/2022 18:33

Nícola Martins foi o escolhido para conduzir o órgão

Quarta Linha ganha piscinão para evitar enxurradas em Criciúma

commentJornalismo access_time15/05/2022 07:03

Bacia de detenção faz parte do complexo de obras de infraestrutura que vêm sendo executadas pelo município

Governo de Forquilhinha entrega Unidade Móvel de Saúde

commentJornalismo access_time14/05/2022 18:45

Evento realizado marca avanço no atendimento de saúde

Obras interferem no tráfego na BR-101 em Tubarão

commentJornalismo access_time14/05/2022 18:00

A CCR ViaCosteira informa que o tráfego na altura do km 337 da pista Norte, em Tubarão, sofrerá interferência a partir desta sexta (13).